Michelin inicia construção da sua primeira fábrica de reciclagem

A Michelin inicia a construção da sua primeira fábrica de reciclagem de pneus. Para tal, foi estabelecida uma joint-venture com a Enviro, empresa sueca que desenvolveu e patenteou uma tecnologia especial para recuperar o negro de carbono, o óleo, o aço e o gás no processo de reciclagem dos pneus usados.

A fábrica de reciclagem, localizada na região de Antofagasta (Chile), terá uma capacidade de reciclagem anual de 30 000 toneladas de pneus de maquinaria de obras; ou seja, praticamente 60% dos pneus deste tipo que chegam ao final da sua vida útil, a cada ano, naquele país. O investimento previsto é de mais de trinta milhões de dólares, e as obras de construção da fábrica iniciam-se em 2021, com o objetivo de iniciar a produção em 2023.

Solução integral que permite recuperar todos os materiais do pneu para a sua reutilização

Esta nova fábrica de reciclagem de última geração fomentará uma economia circular mediante processos inovadores. Os pneus usados serão recolhidos diretamente nas instalações dos clientes, para serem transportados até à fábrica, onde serão cortados para posterior processamento. A tecnologia da Enviro, que gera novos materiais reutilizáveis de alta qualidade, como negro de carbono, óleo de pirólise, gás ou aço, permitirá valorizar 100% do pneu no final da sua vida útil.

Segundo o previsto nesta etapa, 90% dos materiais recuperados serão reutilizados em produtos fabricados à base de borracha, como pneus, cintas transportadoras ou mecanismos anti-vibrações. Os 10% restantes destinar-se-ão à geração de energia para o funcionamento da instalação. Esta nova fábrica permitirá à Michelin oferecer uma solução de reciclagem e integral, desde a recolha dos pneus usados até à reutilização das matérias primas recuperadas para fabricar novos produtos.

“Estamos muito orgulhosos por anunciar a construção da primeira fábrica de reciclagem da Michelin, graças a esta joint-venture com a Enviro”, declara Sander Vermeulen, Diretor de Marketing e Desenvolvimento Empresarial, Estratégia e Desenvolvimento de Novos Negócios de Materiais de Alta Tecnologia. “Trata-se de um importante avanço, que nos permitirá oferecer aos nossos clientes um serviço de reciclagem de última geração, e desenvolver novas atividades para o Grupo. Estamos em conversações com vários clientes mineiros chilenos para a assinatura de contratos de longo prazo. Ao desenvolver a tecnologia da Enviro numa escala maior, oferecemos-lhes uma solução que apoiará os seus objetivos ambientais e promoverá o desenvolvimento de uma economia circular”.

Mais uma prova do desenvolvimento do Grupo em materiais sustentáveis

Esta futura fábrica de reciclagem de pneus está em linha com o compromisso do Grupo Michelin, de integrar uma percentagem cada vez mais elevada de materiais sustentáveis no fabrico dos seus pneus, tal como ilustrado pelo conceito VISION. A Michelin posiciona-se como força unificador para desenvolver parceria inovadoras num amplo leque de disciplinas tecnológicas, dado que a velocidade e a natureza das inovações domínio requerem novas formas de cooperação.

Esta parceria com a Enviro é a continuação de outras iniciativas e acordos empreendidos pela Michelin com empresas pioneiras na área da reciclagem e dos materiais sustentáveis, que têm como objetivo a criação e o desenvolvimento de circuitos de reciclagem não só de pneus fora de uso, mas também de resíduos plásticos.

Michelin Pneus Sustentabilidade